Palácio do Bolhão

Já lá vão catorze anos desde que a ACE/Teatro do Bolhão apresentou à Câmara Municipal do Porto (CMP) um projecto de reconversão e ocupação do Palácio do Conde do Bolhão que foi mandado construir em 1844 por um dos comerciantes mais ricos do país, António de Sousa Guimarães, e que ficou conhecido pelas faustosas festas que ali se realizavam, e desde 2001 que o palácio foi adquirido pela autarquia e cedido à Academia Contemporânea do Espectáculo. Até hoje foram já gastos dois milhões de euros na obra, financiada pelo Ministério da Educação, Ministério da Cultura, CDRN, pela CMP,pela própria ACE/Teatro do Bolhão e por fundos da Comunidade Europeia.
Uma primeira fase de obras, que comporta a recuperação de infra-estruturas e cobertura do palácio oitocentista e a reconstrução de um anexo lateral da autoria dos Arquitectos José Gigante e João Gomes, está terminada. O próximo passo é a recuperação do exterior do edifício e o restauro do interior. Já em fase inicial está a construção de um novo auditório cuja inauguração está prevista para o dia 27 de Março de 2014, Dia Mundial do Teatro.

publicado over 4 years ago

Sugestões
Maos_%c3%80_obra_vii
Mãos à Obra - Conferência VII

ver mais

Sacess_rafael_montes
Seminário Espaço Público para Todos - Rafael Montes

ver mais

19
IBERIA CRITICA - Conclusões

ver mais

Na_montagem_claudio_reis
Na Superfície - Cláudio Reis

ver mais

Patrocinadores
Apoios
Protocolos